Como o marketing orgânico e o posicionamento nos mecanismos de busca influenciam o seu negócio?


Os mecanismos de busca tem sido cada vez mais um caminho obrigatório entre o usuário e uma marca. Por isso, é fundamental entender como o tráfego orgânico pode influenciar no seu negócio.

É fato que não há como existir, ou ser visto, no ambiente digital sem estar presente de forma bem posicionada em plataformas de busca.

Isso se dá, sobretudo, do ponto de vista do usuário e pela grande capacidade de fluxo que essas plataformas têm.

Em uma metáfora com o ambiente analógico, é possível pegar de exemplo um shopping center que tem um grande fluxo de pessoas e portanto é o sonho de consumo de todo lojista que seu empreendimento seja o escolhido.

Ali, é possível que uma marca se estabeleça diante de seu público de forma mais constante e precisa.

Se uma loja de suporte de calha de chuva estiver em uma rua com pouco fluxo de pessoas, as chances dela ser percebida é muito menor.

No ambiente digital isso também ocorre. Uma empresa pode estar presente nas mídias sociais, mas ao mesmo tempo não ser percebida pelo fluxo de usuários.

Nesse sentido, é importante que se invista em elementos de ADS, ou seja de propagandas, para posicionar a marca de forma paga.

Entretanto, é com um marketing de conteúdo bem estruturado através do tráfego orgânico que o destaque pode ser mais qualificado.

Nesse sentido, sobretudo quando se trata das plataformas de busca do Google, é importante o conhecimento dos mecanismos para SEO.

Esse ponto é fundamental para aqueles que buscam se posicionar de forma ampla diante desses usuários.

Algumas vantagens podem ser percebidas no primeiro momento ao assumir uma postura que leve em consideração os algoritmos de busca orgânica. Sendo algumas delas:

  • Posicionamento;

  • Qualificação do lead;

  • Segmentação;

  • Apelo maior à venda.

Sob a perspectiva do posicionamento, um usuário que está buscando por projeto elevador residencial pode cair no blog de uma empresa especializada no assunto.

Diante disso, ele já passa a ser um lead com uma qualificação alta, uma vez que ele procurou por um assunto específico e foi contemplado.

Além disso, outras pessoas podem procurar pelo mesmo tipo de conteúdo e cair no mesmo blog.

Isso significa dizer que aquele público está cada vez mais segmentado para aquele conteúdo específico.

Nesse sentido, fica mais escancarada a possibilidade de vendas para aquelas pessoas, uma vez que elas procuraram aquela marca de forma ativa.

SEO: o que é?

Antes de qualquer consolidação estratégica, é importante que se tenha em mente quais são as suas funcionalidades principais.

Também é importante ressaltar que o SEO não é especificamente uma ferramenta do Google, mas sim um modo de lidar com as ferramentas disponibilizadas pela empresa.

Por isso, essa postura estratégica tem como objetivo principal entender quais são os algoritmos responsáveis pelo ranqueamento das páginas no Google e, a partir disso, adaptar os sites das empresas.

Uma empresa que quer ter uma boa frequência orgânica no Google pode optar por efetuar alguns conteúdos sobre portão pivotante automático.

Entretanto, apenas isso não basta para que aquele público seja atingido. Sobretudo é necessário entender quais são as normas textuais e de programação para SEO.

O conteúdo pode ser impecável, mas se não houver o entendimento das normas do mecanismo de busca, isso pode significar que o posicionamento nos mecanismos de busca será baixo.

SEO On page

Para o prosseguimento da compreensão de quais são os métodos e mecanismos responsáveis por nortear o SEO, é importante entender alguns de seus jargões.

O SEO On Page diz respeito aos métodos utilizados pela página de uma empresa para um posicionamento nos buscadores.

Uma loja de móveis pode criar um conteúdo para limpeza cadeiras e com isso adaptá-lo para a busca orgânica.

Isso pode ser feito a partir da criação de bons conteúdos com títulos e subtítulos condizentes com os algoritmos.

Além disso, é importante que o site esteja adaptado para leitura em celular e, também, possua mecanismos de otimização de navegação.

Tudo isso pode fazer com que a página em si seja reconhecida pelo Google como passível de um bom ranqueamento.

SEO Off page

Esse aspecto diz respeito à credibilidade que aquela página possui dentro do ambiente digital.

Isso se dá pela quantidade de backlinks que aquele portal é capaz de receber de outros sites.

Nesse sentido, o off page funciona como uma espécie de revisão por pares que o próprio Google consegue reconhecer.

Se uma empresa de aluguel de furadeira de impacto for citada uma série de vezes por alguns sites relacionados ao assunto, o Google consegue estabelecer aquele site como confiável.

No entanto, é importante que essas menções tenham contexto e sejam, em grande medida, credibilizadas pelo conteúdo.

Como se posicionar?

Partindo da compreensão dos mecanismos de busca do Google, é possível entender quais são os principais métodos utilizados pelo mercado para que uma empresa esteja bem posicionada na plataforma.

A adoção de métodos SEO pode significar uma maior visibilidade para a marca, uma vez que ela conseguirá aparecer mais.

No entanto, é necessário que se tenha em mente um bom marketing de conteúdo para que seja possível posicioná-la diante de seu público.

Para isso, algumas dicas precisam ser levadas em consideração, alguns pontos a serem levantados são:

Bom conteúdo

Esse aspecto é o mais fundamental de todos, uma vez que não há como se manter entre os primeiros colocados nas pesquisas, se não houver interesse do público.

O Google consegue analisar quanto tempo um usuário gasta em um determinado site e, com isso, percebe se vai ranqueá-lo ou não.

Se uma empresa de aluguel de caçamba de lixo estiver buscando se posicionar através do marketing de conteúdo, é necessário que aquele site possua uma boa navegabilidade e um texto que se integre de forma irrestrita com o público.

Adaptação para mobile

Uma das primeiras regras que o Google impõe aos sites que estão presentes em suas plataforma é que estejam integrados ao ambiente digital via mobile.

Isso significa dizer que para um bom posicionamento de uma marca dentro dos mecanismos de busca é necessário que haja um direcionamento desses sites para o acesso via smartphones.

Ou seja, uma empresa de segurança pode ter uma grande base de conteúdos positivos sobre controlador de acesso hospitalar, mas se não houver esse direcionamento, isso pode significar um não posicionamento.

Link building e presença

Esse é um dos pontos que pode significar um esforço de maior complexidade, uma vez que é nesse ponto que se garante uma boa relação com todos os demais sites que o Google entende como positivos para os usuários.

Por isso, a integração de conhecimento é um dos aspectos mais valorizados pelo Google e algumas outras plataformas de pesquisa.

Uma empresa que fornece cortina de tecido motorizada pode, por exemplo, se relacionar com sites de casa e construção.

Por outro lado, é importante que blogs que dão dicas sobre esse tipo de conteúdo reconheçam essa empresa e a linke dentre as suas referências.

Ou seja, estar presente no Google não basta, é necessário estar integrado para que ele consiga reconhecer aquele site como relevante e confiável.